30.8 C
Campo Grande
terça-feira, 20 de fevereiro de 2024

Vereadores aprovam projeto de lei para concessão de espaço público à Expocanas

Os preparativos para próxima edição da Expocanas segue rendendo frutos. O evento que representa um momento de conexão entre o setor sucroenergético e os produtores rurais, promove muito aprendizado, negócios, networking e ainda movimenta a economia do Estado.

Vereadores aprovam projeto de lei para concessão de espaço público à Expocanas

A Câmara Municipal de Vereadores aprovou por unanimidade o projeto de lei 091 de autoria do Executivo Municipal na 15ª Sessão extraordinária realizada nesta terça-feira 28/11, e aprovou a concessão de uso da área para que a Associação Sul Mato grossense dos Fornecedores e Cana (Sulcanas) administre a Expocanas pelo período de 20 anos.

Expocanas já é considerado um dos maiores eventos sucroenergético de Mato Grosso do Sul, a feira agora será administrada pela Sulcanas.

Uma conquista que representa o fortalecimento da economia, o que permite a demonstração da tecnologia e a difusão de novos conhecimentos para os produtores rurais, além de proporcionar as melhores condições em negócios. 

Em 2023, a feira recebeu 85 expositores e mais de 2 mil empresários com um público estimado em 12 mil pessoas. Além de 28 empresas multinacionais com campos tecnológicos e variedades de cana-de-açúcar, soja e milho, além de 4 institutos de pesquisas, stands com insumos, maquinários, produtos, serviços e uma ampla praça de alimentação.

A Expocanas gera oportunidades e a expectativa para 2024 é reunir um número ainda maior de expositores e visitantes, evidenciando o que há de melhor no setor sucroalcooleiro, agroindustrial e comercial.

“Estamos muito felizes por essa conquista, a concessão proporcionará segurança para que possamos realizar os campos experimentais com tranquilidade, 20 anos representa 2 ciclos de plantio da cana, agradecemos a todos os vereadores que votaram” destacou Marcio Verrunes presidente da Sulcanas

O projeto segue para o executivo para sancionamento do prefeito municipal.

Leia também

Últimas Notícias

Fale com a Rádio Olá! Selecione um contato.