Campo Grande, Sábado 23 de fevereiro de 2019
11/12/2018 18h35 - Atualizado em 11/12/2018 18h35

Pesquisa: Instituto Ranking divulga desempenho da Câmara Municipal de Campo Grande


Por Edson Moraes - Ranking Pesquisa / Diário da Mídia

As opiniões sobre o desempenho do Poder Legislativo de Campo Grande estão divididas, segundo aferiu a Ranking Comunicação e Pesquisas. Em levantamento realizado neste mês, 36,16% dos moradores da cidade consideram ótimo ou bom o trabalho da Câmara Municipal, menos de três pontos abaixo do índice atribuído aos que o classificam regular (33,41%).

Essas taxas são expressivas, se for considerada a pontuação de quem acha ruim ou péssima a atuação da Casa: 19,75%. Não souberam ou não responderam a este item da consulta 10,68% dos entrevstados. A atual legislatura foi iniciada em 2017. A Câmara de Vereadores têm 29 representantes e é presidida por João Rocha (PSDB).

A pesquisa Ranking foi feita no período de 1º a 11 deste mês com 1.200 pessoas a partir dos 16 anos de idade, entrevistadas em 26 dos maiores bairros de todas as regiões urbanas de Campo Grande. O intervalo de confiança é de 95% e a margem de erro de 2,83 pontos percentuais, para mais ou para menos.

DESTAQUES

Para os campograndenses, o vereador com a melhor taxa de avaliação positiva é Valdir Gomes (PP), com 16,50%. Ele é seguido de perto por Chiquinho Telles (PSD), com 14,33%. A seguir, um pouco mais distantes, Lucas de Lima (Solidariedade), que se elegeu deputado estadual, com 8,66%, e Carlão Borges (PSB), com 6,41%.

Estão bem pontuados ainda Delegado Wellington (PSDB), com 4,16%, João Rocha (PSDB) com 3,91%; e Otávio Trad (PTB), com 3,00%.

Não aparecem entre os 10 principais destaques aferidos pela pesquisa Ranking os três mais votados em 2016: André Salineiro, do PSDB (8.776 votos); Odilon de Oliveira Filho, do PDT (6.825); e Loester de Oliveira, do MDB (5.552). O trio concorreu nas eleicões deste ms nenhum teve sucesso. Salineiro e Loester disputaram vagas na Assembleia Legislativa e Odilon Filho na Câmara dos Deputados.

Envie seu Comentário