Campo Grande, Quarta-feira 23 de maio de 2018
13/02/2018 11h02 - Atualizado em 13/02/2018 11h02

Policiais disfarçados de foliões prendem suspeitos de furtar celulares em blocos de São Paulo

Porteiro e moradora de prédio na Avenida São João foram pegos com cerca de 300 aparelhos furtados, segundo Deic. Prisão ocorreu no sábado.

Por Bom Dia Brasil, São Paulo

Policiais Civis disfarçados de foliões prenderam dois suspeitos de furtar celulares em blocos de carnaval de rua em São Paulo. A prisão ocorreu no último sábado (10), quando um porteiro e uma moradora de um prédio no Centro da capital foram pegos com cerca de 300 aparelhos furtados, segundo o Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic).

10 dicas para não ter o celular roubado no carnaval e o que fazer se levarem seu aparelho no bloco. Saiba o que fazer se tiver o celular furtado ou roubado no carnaval de SP. A polícia vai tentar localizar os donos dos telefones furtados para devolvê-los às vítimas que registraram boletim de ocorrência.

O funcionário Francisco das Chagas Pereira Macedo, de 45 anos, e a nutricionista Fernanda Maranhão Arouche, de 27, participavam de um esquema criminoso, no qual ele guardava os telefones furtados pela mulher no blocos, segundo a investigação.

Os aparelhos foram encontrados em um prédio onde o porteiro trabalhava e a moradora residiam, na Avenida São João. Os celulares estavam escondidos em bolsas e no acesso à caixa d'água do edifício.

Como Fernanda entrava e saía constantemente do prédio durante o desfile dos blocos, os policiais disfarçados de foliões desconfiaram dela e a abordaram, encontrando os aparelhos furtados com o porteiro.

"Já na mesa dessa portaria, havia dezenas de celulares. O porteiro admitiu que pegava esses celulares de assaltantes que agiam nesses blocos, e indicou, apontou, essa criminosa, como uma das pessoas que entregava os aparelhos", disse o delegado do Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos (Garra), Mário Palumbo Júnior.

Ao todo, foram apreendidos 308 celulares. Esta foi a segunda vez que a Fernanda acabou presa por furto de telefone.

Seja o primeiro a comentar!

Restam caracteres. * Obrigatório
Digite as 2 palavras abaixo separadas por um espaço.